sexta-feira, 12 de março de 2010

Vai lá Edilson Silva...



É incrível o que você consegue descobrir sobre uma pessoa através de uma rede de relacionamento. Melhor ainda se a pessoa for um pré-candidato a eleição. Para tentar acabar com esse sentimento de analfabeto político, comecei a pesquisar mais um pouco sobre os candidatos não-quase-confirmados ao governo do estado.
Edilson Silva, por exemplo, do PSOL. Procurei informações sobre ele por todos os buracos do Google, mas a melhor fonte de informação que obtive nesse caso foi o Twitter dele.
Descobri que candidatos pouco conhecidos tem um maior costume de postar recados, blogar, twittar ou o que quer que seja. Tempo livre? Que seja. O fato é que essas pessoas parecem se sentir mais confortáveis em redes de relacionamentos. O camarada Edilson, por exemplo, apesar de sua simpatia no seu Twitter, não conseguiu conquistar meu voto.

1) "Vai, Santinha!!!" - A começar daí. O cara é torcedor do Santa Cruz. Se não o for, piorou! Vai Santinha só se for pro inferno!
2) Apoio a Martiniano Cavalcante. Nunca havia ouvido falar desse (claro, analfabeto político), mas descobri que um ex-sindicalista, político de esquerda (mais esquerda mesmo). Fundador da CUT. Não simpatizo com a esquerda muito esquerda.
3) É um cara de família. Marcelinha e Edna aparentemente possuem um papel importante em sua vida. Ganha ponto.
4) Curte o Novo Pina, lá na Rua da Moeda. Pow, também curto, mas dizer que o garçom Reg Rossi é gente boa eu discordo. O cara é tão simpático quanto a carranca do Índio Poty (na verdade ele me lembra Geninho). Serve bem apenas quem ele achar que merece. Eu me fudi nessa história, porque devia estar com cara de playboy naquele dia. Bem zero a zero. Ganhou ponto pela Rua da Moeda e perdeu por causa de Geninho (desculpem, Reg Rossi).

Por dois pontos a um, esse não é meu candidato. Não tenho muita fé em unknowns para governanças =P

☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼

It's amazing what you can discover about someone at the social networks. Even better if the person is an elections pre-candidate. Trying to finish myself feeling of "politic illiterate" I started to research a little more the almost-no-confirmed candidates to state governor.
Edilson Silva, for example, from the PSOL party. I looked for information about him everywhere, but the better information source that I had about him was his Twitter.
I discovered that little knew candidates use to often post messages at facebook, twitter, or wherever. Free time? What ever... The fact is that those people seems to feel more comfortable into social networks. Mr. Edmilson, for example, instead of his sympathy at his Twitter, didn't get my vote.

1) "Go Santinha!!!" - Starting here. He's a Santa Cruz fan. If he isn't, it's even worst! Go Santinha only if it goes to the hell!
2) He supports Martiniano Cavalcante. As I'm a politic illiterate I had never heard about him, but I discovered that he's an ex-union, a left politic (stronger left). Founded the CUT (Unique Central of the Workmen). I don't sympathize with very left people.
3) He's a family guy (not the TV show :P ). Marcelinha and Edna seem to have an important role into his life. Got one point.
4) He likes the Novo Pina, at Rua da Moeda. Dude, I like it too, but you say to me that the waiter Reg Rossi is nice, I totally disagree. This guy is as sympathetic as a totem. In fact he reminds me Geninho, the Sport Team coach. He serves well those that he thinks that deserves. Bad lucky for me, because on the day when I was there, I may were with a playboy face. Here we got a zero zero. Got one point because the Rua da Moeda, but lost one because of Geninho (sorry, Reg Rossi).

For two x one he'll not be my candidate. I'm not stronger in faith on unknown people for governor =P

Um comentário:

  1. I have to worry about congressional elections this November, I'm hoping that no one votes for those tea party idiots.

    I wouldn't vote for that guy either.

    ResponderExcluir

Locations of visitors to this page
Côcos pelo Mundo