quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Cuidado com o CPF!

Imagine você tentar abrir um simples crediário numa loja e descobrir que seu CPF possui uma dívida de 220 milhões de reais. Foi o que aconteceu com a diarista Ana Maria da Silva, que teve uma conta aberta por alguém que utilizou seu CPF para fazê-lo.
Abrir conta em bancos, comprar carro financiado, eletrodomésticos, etc., utilizando dados de terceiros não é uma coisa muito difícil de se fazer. Um CPF e nome conseguido em qualquer lugar (O melhor lugar para pegar isso são em listões de concursos publicados na internet), comprovante de endereço falso (também não é difícil de conseguir) e muita cara-de-pau.
As vezes consegue-se até os documentos de um terceiro mesmo. Os chamados "Laranjas". Normalmente pessoas humildes, ingênuas e honestas. Como a maioria dos documentos solicitados são cópias, fica fácil colocar sua foto por sobre a original para emitir uma cópia falsificada.
Então, olho aberto na hora de liberar seu CPF no cadastro de algum site ou na publicação desse tipo de infomração. Você pode surpreender-se com a dívida que pode criar! E para os órgãos, sites, blogs e instituições que publicam, ou precisarem publicar, por algum motivo esse tipo de informação, sugiro que omitam ao menos os dígitos centrais do CPF:
468.XXX.XXX - 87: ARIANE N DE MENEZES SA
331.XXX.XXX - 25: ADEILDO R DE LIMA JUNIOR
651.XXX.XXX - 15: VALERIA G SOARES
049.XXX.XXX - 01: DANIELLE G BRITO

Os CPFs acima foram em sua maioria conseguidos de sites do próprio governo. O último foi em um site de uma prefeitura, na relação de aprovados em concurso público. Lembro que há um tempo atrás eu havia localizado o meu, mas tentei achá-lo novamente (não que eu não saiba :P), mas não consegui (ainda bem)...



Imagine yourself trying to get a charge account at some store and just discovered that your CPF (Citizen Record Number) has a debt of $220 Millions. It just happened to the home-servant Ana Maria da Silva. She had a bank account created by someone that had her CPF to do it.
Create fake bank accounts, buy financed cars, electronics, etc., using thirties data is not so hard to do. A someone CPF and name got in any place (the best place to get it is at approved candidates list of some public job) and a lot of non-sense.
Sometimes you can get real thirtieths people documents. Normally they are humble, innocent and honest people. As the most of the documents are just copy, its easy to put your pic over the original to get a fake copy.
So, opened eyes when you think to dispose your CPF at some site or in just publish this kind of information. You can be surprised with the debt in your name! And for those sites, blogs, organizations and institutions that use to publish this information, for some necessity, I suggest that you mask
at least the middle digits of the CPF:
468.XXX.XXX - 87: ARIANE N DE MENEZES SA
331.XXX.XXX - 25: ADEILDO R DE LIMA JUNIOR
651.XXX.XXX - 15: VALERIA G SOARES
049.XXX.XXX - 01: DANIELLE G BRITO

Those CPFs above, at most, I got at government sites. The last one I got at some city hall site, on the approved candidates job list. I remember that some time ago I had found mine, but I tried to find it again (not that I don't know my CPF =P ), but I couldn't (good for me).

Um comentário:

  1. Good Lord. That is why Meg is not my real name. Up here we have reports of foster children being used like that.

    ResponderExcluir

Locations of visitors to this page
Côcos pelo Mundo