segunda-feira, 13 de julho de 2009

Elegância

Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso, esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento. É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza. É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto. É uma elegância desobrigada. É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas pessoas que escutam. E quando falam, não ficam a julgar sentindo-se o "dono da verdade". É possível detectá-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas. Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros. É possível detectá-la em pessoas pontuais. Em pessoas que sabem que os mais velhos, muitas vezes, são rabujentos e mesmo assim o tratam com a deferência que merecem. Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, é quem cumpre o que promete e, ao receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem está falando e só depois manda dizer se está ou não está. Oferecer flores é sempre elegante. É elegante não ficar espaçoso demais. É elegante você fazer algo por alguém e este alguém jamais saber o que você teve que se arrebentar para o fazer. É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro. É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais. É elegante retribuir carinho e solidariedade. Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto. Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante. É elegante a gentileza; atitudes gentis falam mais que mil imagens. Abrir a porta para alguém? É muito elegante. Dar o lugar para alguém sentar? É muito elegante. Sorrir, sempre é muito elegante e faz um bem danado para a alma. Oferecer ajuda? Muito elegante. Olhar nos olhos ao conversar? Essencialmente elegante.

video

There is a hard thing to be teach and, maybe because this, it's so hard to find nowadays. It calls elegance in the behavior. A gift that goes much far from the correct use of wine glasses and that's involves much more than say a simple "thank you" to some glad. The elegance follows us from the first hour of the morning to our sleep time. It comes in the most trivial situations. No parties or photographs near... Elegance is not an obligation. It's possible to see it on the persons that eulogists more than criticize. On the people that listen. And when they talk, don't fell their selves as "the truth owners". It's possible to see it on people whose don't use a superior voice tone to talk to the waitress. On the people that avoids embarrassing topics, just to don't embarrassing others. It's possible to notice on people which are never late. On people that knows that the orders, often, are morose, but they treat them with the respect that they deserve. Elegant are whose demonstrate interest for unknown subjects. Those whose give presents on a non celebrate date. Those whose does their promises and when they get a phone call never ask for the secretary to knows who is calling to then, decide if will get or not the call. To offer flowers is elegant. Elegant is to give space to others. Elegant is to do something for someone and never tells your effort to do that thing for her/him. Elegant is to not change your style just to adapt to someone. Is elegant do not talk about money on an informal conversation. Elegant is to return a caress. Super name, joules and pompous don't substitute the elegance of a gesture. There isn't books that teaches someone to have a generous view of the world. To be here in a non morose way. Elegant is to be gentle; Gentle attitudes are more valuable then one thousand images. Open the door to someone? It’s elegant. Smile... Is always very elegant and it's so good to our soul. Offer some help? Very elegant. Look in the eyes whiling talk with someone... Essentially elegant.

2 comentários:

Locations of visitors to this page
Côcos pelo Mundo